Menu

Por que Deus faz Promessas? – Parte III

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

Nos textos anteriores, falamos sobre as promessas que Deus nos faz. Vamos agora, buscar compreender que há tempos diferentes para diferentes tipos de promessas. Você está pronto?

As promessas podem ter cumprimento Instantâneo:

“enquanto eu ainda estava em oração, Gabriel, o homem que eu tinha visto na visão anterior, veio voando rapidamente para onde eu estava, à hora do sacrifício da tarde.” Daniel 9:21 NVI

As promessas também podem ser de curto prazo:

“Certa ocasião, enquanto comia com eles, deu-lhes a seguinte ordem: “Não saiam de Jerusalém até o Pai enviar a promessa, conforme eu lhes disse antes. João batizou com água, mas dentro de poucos dias vocês serão batizados com o Espírito Santo”. Atos 1:4-5 NVT

A Bíblia nos mostra que existem promessas de médio prazo:

José se lembrou dos sonhos que tivera a respeito deles muitos anos antes e lhes disse: “Vocês são espiões! Vieram para descobrir os pontos fracos de nossa terra”. Gênesis 42:9 NVT

E que também existem promessas de longo prazo

“Os meus olhos desfaleceram, esperando por tua promessa; entretanto, dizia: Quando me consolarás tu?” Salmos 119:82 ARC

E por último, as promessas podem ser distantes ou longínquas 

“então, lhe foi dito: Sabe, com certeza, que a tua posteridade será peregrina em terra alheia, e será reduzida à escravidão, e será afligida por quatrocentos anos.” Gênesis 15:13 ARA

De volta a pergunta, como viver as promessas?

Aguardando o tempo certo.

“Porque necessitais de paciência, para que, depois de haverdes feito a vontade de Deus, possais alcançar a promessa”. Hebreus 10:36 ARC

Tem momentos quando estamos aguardando que parece que nossa vez nunca chegará. O que fazer enquanto esperamos?

Quando a promessa demora o que fazer?

Primeiro o que não fazer:

Não duvide

Não reclame

Não atente para as circunstâncias

Não se abater PV 24.10

O que fazer?

Adore Rm 4.20

Confie Lc 8.50

Entregue Sl 37.5

Ore Fp 4.6

Leia a Palavra 119.49.50

Cumpra os requisitos

Toda promessa tem seus requisitos. É importante lembrar que toda promessa tem suas condições. Veja:

Se quiserdes e me ouvirdes, comereis o melhor desta terra.” Isaías 1:19 ARA

Comer o melhor desta terra é a promessa, mas o requisito/ condição para tal é querer e ouvir.

Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto, diz o Senhor dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós bênção sem medida. Malaquias 3:10 ARA

Abrir a janela dos céus promessa, mas é precedida de uma condição que é trazer todos os dízimos à casa do tesouro.

Assim, não reclame as promessas se você não cumpre princípios para o cumprimento delas. O que mais se vê são pessoas reclamando da parte de Deus (promessas) quando elas não cumprem sua parte (requisitos). Faça a tua parte e Deus fará a dele!

Esteja conectado com Jesus.

Assim como um carro precisa de uma estrada para se locomover. Do mesmo modo, as promessas tem um caminho por onde trafegam: Respondeu-lhe Jesus: “Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim”. João 14:6 ARA

Há um texto que explica bem a logística da promessa. Ele está em 2Co 1.20:

“pois quantas forem as promessas feitas por Deus, tantas têm em Cristo o “sim”. Por isso, por meio dele, o “Amém” é pronunciado por nós para a glória de Deus. 2 Coríntios 1:20 NVI

Este texto revela que quando Deus promete, ele o faz por meio de Cristo que concorda com o cumprimento da promessa. De sorte, que Jesus é quem chancela a promessa. Um dos nomes de Jesus na Bíblia é o Amém:

E ao anjo da igreja que está em Laodiceia escreve:  Isto diz o Amém, a testemunha fiel e verdadeira, o princípio da criação de Deus. Apocalipse 3:14 ARC

Por isso, o segredo para viver as promessas é: Jesus! Andar com Jesus, crer em Jesus, ser fiel a Jesus, obedecer a Jesus. Jesus é a ponte sobre o abismo, a escada para o Céu, chave que nos abre a porta do Reino, a ligação entre os homens e Deus, a fonte de tudo!

Como Jesus mesmo disse: Sem mim nada podeis fazer!

Para concluir, posso dizer que o propósito final de toda promessa, além de abençoar pessoas, com certeza é trazer glória e adoração ao Deus bondoso e fiel que cumpre promessas. Quando a promessa se cumprir (ou se você já está desfrutando dela) jamais deixe de reconhecer que tudo é para a glória de Deus.  Coisa horrível é ver pessoas que se tornam orgulhosas por causa da benção ou são ingratas. Então, tribute a Deus o louvor por tudo.

Porque dele, e por meio dele, e para ele são todas as coisas. A ele seja a glória para sempre. Amém! Romanos 11:36 NAA

Publicações Relacionadas

Dia dos Pais
Thúlio Pereira

A importância do exemplo

Certa vez, Deus apareceu a Isaque e disse-lhe: “Eu sou o Deus de seu pai Abraão” – Gn 26.24b. Passa-se os anos e Deus aparece

Leia mais

Outras Publicações

Our Faith
Verônica de Souza

Jesus is the way back to God

“I am the way and the truth and the life. No one comes to the Father except through me.”  John 14.6 The scripture teaches us

Leia mais
Fala Malafaia
Silas Malafaia

Passando pelas adversidades

Você tem enfrentado alguma adversidade, algum problema, nos últimos meses? Não pense que é o único a atravessar tribulações. É um engano imaginar que só

Leia mais
InterBible
Samuel Martins

Descansar

Na sociedade atual, as coisas estão cada vez mais rápidas; e não digo somente das áreas relacionadas ao trabalho, mas também da vida como um

Leia mais