Menu

A árvore dentro da semente

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

Quando a gente encontra alguém que topa sonhar os nossos sonhos, tudo parece fluir melhor. Temos mais energia, mais ideias brotando, mais condições de chegar ao objetivo. O problema é que encontrar essa pessoa não é comum, e muitas vezes a espera faz brotar um sentimento de frustração. Mas na vida precisamos aprender que não teremos uma só pessoa ao longo do caminho, nos ajudando a viver o sonho. Muitas pessoas passarão, cada uma numa etapa do projeto, cada qual com sua contribuição distinta na história da nossa vida. Essa lógica tão simples reafirmei através de um livro infantil: A árvore dentro da semente, de Max Lucado.

Não podemos esperar que alguém ande junto o tempo todo, porque afinal, cada pessoa tem seus próprios projetos para realizar. Daí a resposta para a minha grande pergunta… É fácil idealizar e difícil realizar porque, como uma árvore frondosa e firme no solo, passamos por um longo processo de crescimento e amadurecimento! Primeiro uma semente precisa desprender-se da árvore, deixar seu lugar de segurança e conforto, depois precisa morrer. Essa morte exige recolhimento e quietude, um tempo sob o manto aquecido e escuro do solo. Mas não serve qualquer lugar, precisa ser fértil, iluminado, irrigado, então a gente precisa saber onde se dispor pra morrer…

Na morte da semente vem uma nova etapa, crescemos tímidos sob o solo, e depois descobrimos que brotar sobre a terra é um risco necessário. Podemos ser pisados, arrancados, mutilados… Mas seguimos no processo, porque é Deus quem dá o crescimento! E assim, tão jovens de entendimento, observamos outras árvores frutificando, servindo de abrigo, de alegria, de inspiração.

Mas finalmente chega o dia em que também florescemos, e aparecem os frutos! Quanto tempo se passou, nem nos damos conta mais! Mas foi uma longa espera! E então a gente compreende que a sombra, a acolhida que damos, a segurança dos galhos, a firmeza das raízes e o tão desejado fruto é resultado de inúmeras vidas, que ao longo de todo o processo deram a sua contribuição para que permanecêssemos no objetivo de virar uma enorme árvore.

Agradeço a Deus por me dar o devido crescimento, e ter colocado lavradores hábeis para cuidar de mim. Agora me cabe cumprir a minha missão!

Publicações Relacionadas

Devocional
Felipe Rodrigues

Um dia comum

Ora, Moisés estava apascentando o rebanho de Jetro, seu sogro, o sacerdote de Midiã. E ele conduziu o rebanho para trás do deserto, e chegou

Leia mais
Devocional
Renata Santana

A graça nos inclina a Ele

“Santificação é o trabalho da graça de Deus em nós para inclinar nossos corações a pensar e sentir Sua santa vontade”. John Piper Estar inclinado

Leia mais
Devocional
Aline Brum

Nos mínimos detalhes

E quarenta anos vos fiz andar pelo deserto; não se envelheceram sobre vós as vossas vestes, e nem se envelheceu o vosso sapato no vosso

Leia mais

Outras Publicações

NPC
Sara Matsuda

Escravidão ideológica

De acordo com a Escola de Frankfurt e seus ideólogos esquerdistas, todos os defeitos da humanidade começam na família. A família proporciona a vida humana

Leia mais