Menu

Questões Relativas ao juízo das nações

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

241. Quando será o juízo das nações?

Três importantes eventos proféticos interligados darão lugar ao julgamento das nações: a Grande Tribulação, a guerra no Armagedom e o Milênio. A Grande Tribulação terminará com a batalha do Armagedom e, logo em seguida, começará o Milênio. Exatamente nos primeiros dias da dispensação do Reino, ocorrerá o juízo das nações.

A profecia de Joel acerca desse evento menciona o vale de Josafá, outro nome dado à planície de Megido, onde se dará a batalha no Armagedom (Jl 3.2). Esse juízo acontecerá na região entre o monte das Oliveiras e o monte Moriá.

Acompanhe a cronologia bíblica escatológica: primeiro se dará o retorno de Cristo em sua primeira fase; em seguida, o arrebatamento de todos os cristãos mortos, que ressuscitarão, com os cristãos que estiverem vivos, que serão transformados. Jesus conduzirá os arrebatados às bodas do Cordeiro, enquanto começarão na terra a Tribulação e a Grande Tribulação. Após sete anos, Cristo retornará a terra. Nesta segunda fase, a guerra no Armagedom

será deflagrada, e terá início o Milénio, ocorrendo o juízo das nações (Mt 25.31-46).

242. Quem será julgado nesse juízo?

Como o próprio título diz, as nações, todas elas. Nenhuma poderá escapar desse juízo determinado por Deus, registrado e profetizado nas Escrituras. Assim como todas as nações atacaram Israel, todas serão reunidas pelo Senhor para serem julgadas (Zc 12.3). Nesse juízo, nenhuma nação poderá ser “protegida” por outra ou por um grupo de nações. O juízo será individual, pessoal

e único. Cada um dará conta das suas obras (1 Co 3.12-15).

243. O que exatamente será avaliado nesse juízo?

Primeiro, a maneira como os povos trataram os judeus, a nação de Israel. Isso está registrado tanto na história bíblica como na secular.

Nos arquivos da Segunda Guerra Mundial consta a morte de mais de seis milhões de judeus! Um só povo num período de apenas seis anos quase que desapareceu da terra devido à fúria dos seus inimigos. A mídia internacional todos os dias noticia algum tipo de perseguição ostensiva a Israel. A atitude das nações será colocada na balança do juízo do Senhor. Povos inteiros que perseguiram, atacaram, violentaram, roubaram e mataram os judeus serão julgados com a reta justiça de Deus.

Por outro lado, as nações que não perseguiram a herança do Senhor, o Seu povo, também serão julgadas, para receber bênçãos espirituais, entre elas o privilégio de reinar com Cristo durante o Milênio.

Também será avaliado no juízo como as nações lidaram com os pobres, as pessoas carentes, famintas, doentes e cativas. Aos olhos do Senhor, esse juízo será tão importante que o próprio Jesus, em Mateus 25.34, denominou as nações que praticaram a inclusão social cuidando dos necessitados de benditos de meu Pai.

Os pobres sempre existirão em todas as épocas. A pobreza não será erradicada da terra [a miséria, sim]; então, é obrigação de cada indivíduo cuidar do outro de acordo com suas possibilidades. As nações ricas e abençoadas podem perfeitamente praticar a generosidade que tanto alegra o coração do Senhor.

A discriminação, o abuso, a exploração e o abandono premeditados do ser humano, programados, patrocinados e implementados por qualquer nação, são atitudes inaceitáveis para Deus. Por isso, serão julgadas com todo o rigor da justiça divina nesse juízo profetizado e descrito pelo Senhor Jesus (Mt 25.31-46).

Este texto é parte da obra “Mistérios do Apocalipse”. A obra integral pode ser adquirida em:  

https://loja.editoracentralgospel.com/centralgospel/livro-os-misterios-do-apocalipse-000197

Publicações Relacionadas

Mistérios do Apocalipse
Joá Caitano

Escolas de interpretação em Apocalipse

Durante muitos anos, o estudo do Apocalipse vem sendo explicado por diversas correntes, conceitos, pontos de vistas e métodos de interpretação. Esse livro profético-misterioso (o

Leia mais
Mistérios do Apocalipse
Joá Caitano

Questões Relativas ao Inferno

281. O inferno existe? Quando alguém menciona a palavra inferno, as pessoas de um modo geral sentem medo, curiosidade e fazem questionamentos. Diariamente esta palavra

Leia mais
Mistérios do Apocalipse
Joá Caitano

Questões Relativas ao Céu

268. O céu é um lugar real? Sim. O céu é um lugar real, onde existe uma cidade (Hb 11.16) de descanso (Hb 4.3-5,8-11), gozo

Leia mais

Outras Publicações

Teologia
Pr.Tony Martins

Dia da Bíblia

“Pois vocês, pela viva e eterna Palavra de Deus, nasceram de novo como filhos e um Pai que é imortal e não de pais mortais”

Leia mais
Fala Malafaia
Silas Malafaia

Calebe considerava as pessoas

Apesar de não compartilhar a opinião da maioria, Calebe aprendeu a considerar as pessoas e a respeitar as diferenças individuais. Vamos isso em Josué 14.8,

Leia mais